Sem idade para começar: aos 10 anos, menina faz sucesso com jogo que ensina programação para crianças

0

Você já pensou em ser um programador? Com quantos anos acha que é possível começar a programar? Aos 10 anos de idade, a americana Samaira Mehta prova que não que não existe uma idade mínima para aprender as linguagens de programação. E, acredite: ela começou aos seis anos.

Empreendedora mirim

ensina programação

Samaira chamou a atenção no Vale do Silício, recentemente, depois de vender cerca de mil caixas de um jogo de tabuleiro que ensina a programar. O CoderBunnyz foi desenvolvido pela própria menina e já arrecadou mais de US$ 35 mil. Com a repercussão da história e do projeto, muitas empresas tem se interessado em investir na carreira dela. Samaira já ganhou prêmios, estrelou comerciais para inspirar crianças e passou a vender seus jogos na Amazon.

Programação para crianças

Apesar do destaque, Samaira quer que mais e mais crianças aprendam a programar. Por isso, tem usado o jogo para conduzir workshops de programação para crianças em idade escolar. Além disso, ela criou a iniciativa chamada “Sim, 1 bilhão de crianças podem programar”, que incentiva a doação de caixas do jogo para escolas. No início do ano letivo de 2018, 106 escolas estavam usando o CoderBunnyz para ensinar tecnologia aos alunos. Mais 2 mil crianças já ouviram a jovem mentora em seus workshops. Recentemente, ela lançou um novo jogo focado no ensino de inteligência artificial.

Impulso em casa

Toda a jornada de sucesso precoce tem um importante incentivo que vem do berço. Isso porque Samaira é filha de um engenheiro da Intel. E ela já colocou o irmão mais novo, de seis anos, na empreitada, com a intenção de repassar seus conhecimentos.

Mas aprender a programar cedo não é algo restrito somente para quem tem uma família ligada à tecnologia. Na verdade, qualquer pessoa, em qualquer idade pode compreender as linguagens de programação. Aliás, quanto mais cedo você começar, certamente mais fácil será absorver o conhecimento.

Sem idade para programar

Aprender a programar é como aprender um novo idioma. É preciso entender a lógica dos códigos e a partir daí a experiência ajuda a colocar as tarefas em prática. Além disso, aprender a programar é também simples e acessível: com um curso on line, à distância, é possível dar os primeiros passos nessa carreira.

É o caso da Jornada de Formação em TI, da Uniprogram. O curso é completamente on line e permite uma formação sem precisar sair de casa. De acordo com a dedicação e o desempenho do aluno, é possível finalizar o aprendizado em quatro meses. Mesmo para quem ainda está na fase escolar – e especialmente para quem está inciando a carreira, a formação é uma excelente oportunidade de adquirir os conhecimentos básicos da profissão.