Como aumentar a produtividade como programador

0

A cada dia, o mercado de trabalho exige mais produtividade em menos tempo. Mais do que “produzir mais”, essa exigência está atrelada à otimização do tempo. Ou seja: aumentar a produtividade é uma forma de reduzir desperdícios e gerar mais renda no fim do mês. Selecionamos algumas dicas para quem atua na área de programação aumentar a produtividade sem aumentar a carga horária de trabalho.

Simplifique as atividades

“Não confunda esforço com resultado”. Essa frase motivacional é usada em muitas empresas para mostrar aos funcionários que não faz sentido trabalhar muito e render pouco. Nem sempre uma atividade que exige muitas horas de trabalho traz resultados equivalentes. O segredo da produtividade é fazer mais, sem precisar trabalhar mais para isso. Dessa forma, simplifique suas atividades.

Na área de programação, utilize atalhos, snippets e templates (partes de código já prontas e com lacunas a serem preenchidas). Eles ajudam o desenvolvedor na hora de lidar com instruções, trechos, blocos e partes de código-fonte. Além disso, vale a pena personalizar atalhos complexos — que vão além daqueles disponíveis no sistema operacional.

Avalie também o seu ambiente de trabalho. Comece eliminando itens que tiram sua atenção ou que atrapalham sua concentração. Em seguida, verifique opções que podem ajudar a melhorar a produtividade. Entre elas estão mouses com botões programáveis, que podem reduzir o tempo de execução das tarefas. Em alguns casos, múltiplos monitores também podem contribuir para facilitar o trabalho. Por fim, programas e sites de gestão de projetos podem ser aliados para organização das tarefas – e uma rotina mais ágil.

Faça uma lista de prioridades

É muito comum que a gente deixe as atividades mais complicadas por último na lista de prioridades. Isso é um grande erro. Elas acabam ficando para o dia seguinte e a procrastinação domina a tarefa – que nunca sai do papel. Por isso, faça uma lista de prioridades e siga a ordem que você definiu, mesmo que algum item seja mais complexo. Você vai ver que, após “riscar” o item da agenda, um sentimento de satisfação vai surgir naturalmente. Ele acaba se tornando um impulso para as demais atividades. Vale a pena também definir prazos para cada uma das realizações diárias. Mas lembre-se de criar prazos reais e possíveis de serem atingidos, para não gerar frustração.

Uma ferramenta interessante é o método Pomodoro. Ele consiste em acionar um timer e definir um tempo exato para execução de uma atividade, em geral de 25 minutos. Após esse período, você pode se levantar, tomar um ar, um café, ir ao banheiro ou acessar as redes sociais. É como se você definisse prazos para dar foco total para o problema, evitando distrações. Essa metodologia pode ser aplicada em qualquer área: desde a faxina na casa, até o tempo de estudo diário e o trabalho de programador.

Trabalhe no horário de maior produtividade

A função de programador tem inúmeras possibilidades de atuação. Uma delas é home office. Quem trabalha nessa modalidade tem uma vantagem para aumentar a produtividade: pode trabalhar nos horários em que se sente mais confortável. Algumas pessoas têm mais facilidade em criar no período da noite. Outras, de madrugada. Há quem prefira acordar cedinho e até quem se sinta mais criativo logo após o almoço. Além disso, uma pesquisa da Universidade de Stanford, nos EUA, indica que o home office pode tornar o profissional 12% mais produtivo. Já que o ambiente familiar, o silêncio e o fato de não haver colegas para tirarem a atenção contribuem para a produtividade. Ou seja: é possível ganhar mais dinheiro com programação trabalhando em casa. É claro que isso depende da disponibilidade da sua empresa, mas também pode ser uma opção para profissionais autônomos.

Tenha as soluções em mente

A falta de conhecimento sobre alguma linguagem pode travar seu trabalho e fazer você perder muito tempo. Quem nunca passou horas sobre um projeto tentando solucionar um código que não dominava completamente?

Para evitar esse tipo de situação, busque conhecimento constantemente. Essa é uma das características dos profissionais de sucesso, especialmente na área de tecnologia da informação. Manter-se atualizado, fazer cursos e treinar novas habilidades certamente vai fazer você aumentar a produtividade. No site da Uniprogram, você pode conhecer a Jornada de Formação em TI, que dá uma base sólida para quem quer ser um programador de sucesso.