Como ganhar dinheiro com a internet

0
internet

A internet faz parte do nosso dia a dia e por meio dela é possível fazer muitas atividades. Desde compras no supermercado até uma formação completa, o mundo on line oferece muitas possibilidades. E isso vale também para o mercado de trabalho. Existem várias formas de ganhar dinheiro na web, seja como uma renda extra ou até mesmo como principal atividade. Listamos aqui algumas possibilidades nessa área.

1 – Crie conteúdo

Os vídeos estão em alta e respondem por cerca de 80% do tráfego on line. Com muitas visualizações, podem gerar monetização no YouTube ou atrair anunciantes. Mas os blogs continuam sendo uma boa ferramenta de entrega de conteúdo, especialmente por ser um local de “domínio próprio”. Ou seja: com um blog, você não fica refém das redes sociais (que têm regras próprias e podem te deixar na mão quando os bugs aparecem). Pense em um tema com o qual se identifica e comece a compartilhar seu conhecimento sobre isso. Certamente seu conteúdo vai atrair interessados e pode gerar uma renda com anúncios – seja com adsense ou até artigos patrocinados.

2 – Revise textos

Se a área textual é a sua praia, talvez ao invés de criar conteúdo você possa revisar o conteúdo alheio. Para isso, no entanto, é preciso ter um bom domínio da Língua Portuguesa e de regras ortográficas e gramaticais. Você pode oferecer seu trabalho diretamente nas redes sociais ou até mesmo identificar empresas que contratam freelas nessa área.

3 – Venda on line

Roupas, acessórios, brinquedos, serviços. Hoje em dia é possível comprar tudo (ou quase tudo…) on line. Que tal ter o seu próprio e-commerce ou fazer vendas em grupos de redes sociais. Vale tanto para produtos que você possa comprar e revender quanto para itens que você mesmo possa produzir. Além disso, até mesmo um bazar on line com aquelas peças do guarda-roupas que já não servem mais pode se tornar uma boa opção de renda extra.

4 – Desenvolva sites

Você também pode trabalhar nos “bastidores” da internet, desenvolvendo sites e programas. Essa opção é mais acessível do que você possa pensar – e também uma das mais rentáveis. Isso porque, para se tornar um programador, você não precisa necessariamente fazer uma faculdade. Aliás, essa formação é possível com um curso totalmente à distância, feito pela internet. É o caso da Jornada de Formação em TI da Uniprogram, por exemplo. Além disso, a internet também é uma ótima ferramenta para oferecer o trabalho de programador ou desenvolvedor web. É possível trabalhar de casa, como freela ou autônomo.