Profissionais de TI ganham 2,4 vezes mais que a média nacional

0
profissionais de ti

Os profissionais do segmento de tecnologia da informação (TI) recebem quase o triplo do salário médio nacional. É o que mostra um levantamento da Associação Brasileira das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação (Brasscom). Em 2018, a remuneração média nas empresas do setor foi 2,4 vezes maior que a média nacional, de R$ 1,8 mil. Além da remuneração mais alta, outro atrativo para os profissionais da categoria é o número de oportunidades abertas. Para os próximos seis anos, a expectativa é de 420 mil novos empregos no setor de tecnologia, uma média de 70 mil ao ano entre 2019 e 2024.

É preciso se destacar

A previsão de oferta de posições é grande, mas a competitividade também é alta. Isso porque as organizações buscam os profissionais mais qualificados e alinhados com a realidade do mercado. Dessa forma, quem se prepara melhor, se destaca – e garante as melhores colocações. A boa notícia é que, para isso, não é preciso enfrentar um vestibular ou um curso de graduação de quatro anos. Pelo contrário: o quanto antes o profissional iniciar sua formação, mais cedo ele terá oportunidades. 

Uma boa opção para quem quer trabalhar na área de TI são os cursos on line e de curta duração. A Jornada de Formação em TI é um deles. Oferecida pela Uniprogram, a formação pode ser completada em até quatro meses – isso só depende da dedicação do aluno. O curso é feito totalmente pela internet e aborda as principais e mais populares linguagens de programação utilizadas atualmente. Obviamente, todo profissional precisa se manter em constante aprendizado – e na área de TI não é diferente. Aliás, manter-se atualizado é um requisito básico para quem quer se destacar na tecnologia. Mas se você quer começar as dar os primeiros passos, esse é um bom caminho a se trilhar.